Compare os discursos de Jair Bolsonaro nesta semana na ONU e o discurso da então presidente Dilma Rousseff (PT), em 2015, em evento da Organização das Nações Unidas (ONU).

A partir daquele evento, Dilma se tornava piada ao fazer conjecturas sobre uma tecnologia que seria capaz de “estocar vento”, virando piada no Brasil e no exterior.

A então presidente afirmava em um trecho:

“Você não conseguiu ainda tecnologia para estocar vento…”

Em seguida, Dilma continua a ideia e faz conjecturas sobre como seria complexo desenvolver uma tecnologia capaz de estocar vento. Seu raciocínio não se conclui de forma muito clara.

No mesmo evento, Dilma se atrapalhava ao tentar entender perguntas de jornalistas em inglês, onde responde a uma delas com uma frase que também virou meme: “If you speak slowly I understand very well” (Algo como: “se você falar devagar eu entendo muito bem”, em português). Em seguida, jornalistas falam vagarosamente, mas a então presidente continuava sem entender as perguntas.

Fora o aspecto humorístico que chama mais atenção, as diferenças entre o discurso de Dilma e Jair Bolsonaro são marcados por outro aspecto: Bolsonaro não é subserviente aos planos e interesses da ONU e transmite em seu discurso uma síntese de valores e anseios que o fizeram chegar à presidência da república.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui