Foi solto na última quinta-feira (23) da Penitenciária de Pedrinhas o prestador de serviços da Polícia Civil que foi preso por suspeita de usar uma viatura policial para cometer crimes em São Luís.

O alvará de soltura foi concedido pelo juiz da Central de Inquérito de São Luís, Francisco Ferreira Lima, e agora o prestador será monitorado por tornozeleira eletrônica.

Desde a sua prisão na última segunda-feira (20) que o prestador não teve sua identidade revelada. Ele foi autuado por roubo qualificado, associação criminosa, usurpação de função pública e peculato.

Segundo a polícia, na última quinta (16) o prestador de serviços, junto com mais três suspeitos, usaram uma viatura da Polícia Civil e roubaram R$ 1.400 de um homem identificado como Leonardo Restrepo. Em seguida, eles assaltaram uma motocicleta da residência de um outro homem no bairro São Raimundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui