A Polícia Militar do Maranhão informou na última sexta-feira (6) que o PM Tiago Aquino Ferreira Santos passará pelo processo demissório, o que consiste em expulsão da corporação.

Tiago é soldado e foi preso na última quinta-feira (5) por suspeita de praticar assaltos em um veículo junto com dois homens, na região do Cohatrac (Jardim Araçagy), em São Luís. Ele foi autuado em flagrante e encaminhado à Unidade Prisional no Quartel do Comando Geral.

No dia da prisão, o soldado Tiago Aquino estava ainda com um revólver calibre 38. Ele é lotado no 9º Batalhão da Polícia Militar (9ºBPM) e era considerado desertor porque havia deixado de comparecer ao quartel oito dias seguidos.

Em nota, o comando da PM disse que está tomando as medidas cabíveis e acompanhando o caso. A Polícia Militar afirmou ainda que não compactua com atos de violência ou ilícitos, praticados por qualquer servidor e que tem agido com rigor nos casos que tomou conhecimento.

Soldado portava uma 38

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui